Categorias
Artigos

O estresse dá voltas

O mês que agora acaba pode ser resumido pela palavra estresse.

Meu emprego não é fácil. Tenho uma carga horária intensa (mas muito menos puxada que muitos professores), ensino disciplinas pesadas (idem), e ainda estou sempre tentando me atualizar e estudar para concursos – que, como é muito comum, ocuparam demais a minha cabeça (meu diário é só preocupações com as provas que vêm). Estamos também no meio do semestre letivo, sem nenhum feriado de respiro. Problemas de saúde na família também complicam tudo.

Mas esse mês problemático acabou, e o se o seu foi assim também, ele também acabou!

Um sintoma claro de que o mês foi problemático foi de que eu não planejei nada a fazer, sequer tirei um tempo para revisar e planejar o mês. Isso já foi consertado: começo junho com planos bem definidos, empolgação diante da programação deste mês, e pronto para entrar na segunda metade do semestre letivo. Pretendo continuar também uma das coisas boas de maio: alguém notou que a frequência de posts aumentou muito aqui, numa tentativa de tornar mostrar meu trabalho uma rotina?

Eu começo um novo mês menos estressado, e isso já conta muito. Emoções ruins, como tudo na vida, passam.

Por Fábio Fortkamp

Pai do João Pedro, Marido da Maria Elisa, Professor do Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade do Estado de Santa Catarina, católico devoto, nerd

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.